Destaques-listaNotícias“Não admitimos que São Paulo fique em marcha lenta”, diz Padilha em lançamento de caravanas

Caravana percorrerá todo o estado de São paulo, sob a coordenação do ex-ministro da Saúde, Alexandre Padilha, com o objetivo de conhecer as realidades e problemas locais e construir propostas para São Paulo
8 anos ago297
A caravana percorrerá todo o estado de São paulo, sob a coordenação do ex-ministro da Saúde, Alexandre Padilha, com o objetivo de conhecer as realidades e problemas locais e construir propostas para São Paulo
Por Instituto Lula

lula e padilha caravana

 

Foto: Ricardo Stuckert/Instituto Lula

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva participou, neste sábado (8), do lançamento da Caravana Horizonte Paulista, na cidade de Ribeirão Preto. A caravana percorrerá todo o estado de São paulo, sob a coordenação do ex-ministro da Saúde, Alexandre Padilha, com o objetivo de conhecer as realidades e problemas locais e construir propostas para São Paulo.

Para ver fotos em alta resolução, visite o Picasa do Instituto Lula.

Padilha ressaltou a necessidade da construção de um novo projeto para o estado. Para ele, a situação atual não reflete a riqueza e o potencial paulistas. “Não admitimos que São Paulo fique em marcha lenta”. Para construir essa nova etapa, Padilha considera que ouvir as pessoas é essencial. Segundo ele, as caravanas terão exatamente este objetivo: “Queremos conversar com cada mãe e pai de família, cada empresário, com todos os paulistas”.

Lula ressaltou que “o PT nunca esteve tão preparado para governar o estado de São Paulo”. Ele relembrou as primeiras eleições que o PT disputou, a eleição de Palocci como prefeito de Ribeirão Preto e de outros prefeitos da região, e reafirmou o amadurecimento adquirido em toda essa trajetória. Para o ex-presidente, o partido aprendeu a “conviver democraticamente na diversidade”, mas precisa sempre olhar para frente: “Nós podemos fazer mais”.

Lula falou ainda da luta contra a corrupção que seu governo empreendeu. “Foi o nosso partido que não deixou sujeira embaixo do tapete”. Ele afirmou a importância de que pessoas que cometam irregularidades sejam punidas pelos seus atos. E ressaltou: “O papel de um ministro do supremo é falar nos autos do processo”.

Rui Falcão, presidente nacional do PT, ressaltou as “duas décadas que colocaram o estado em condição subalterna no cenário nacional” e que isso precisa ser superado.

Também estiveram presentes o presidente estadual do PT, Emídio de Souza, o ministro da Saúde, Arthur Chioro, a ministra da Cultura, Marta Supicy e o senador Eduardo Suplicy, entre outras autoridades e militantes da região de Ribeirão Preto e de todo o estado de São Paulo.

Endereço

Câmara dos Deputados
Gabinete 239
Fone: (61) 3215-5239

Escritório
Avenida Esperança, 720 – Vila Progresso
Guarulhos/SP
Telefones: (11) 2408-1274 | (11) 2408-5875

faça parte do nosso mandato

Receba nossos informativos por email e whatsApp